NOTÍCIAS

Fetar-RS promove reunião com sindicatos para discutir impactos das enchentes

A Federação dos Trabalhadores Assalariados Rurais do Rio Grande do Sul (Fetar-RS) realizou na manhã desta quinta-feira (16) uma reunião online com representantes de 31 sindicatos de trabalhadores rurais de diversas regiões do estado para levantar os impactos das tempestades e enchentes das últimas semanas e apresentar ações da federação para auxiliar as entidades e os assalariados rurais. Participaram da reunião o presidente Fetar-RS, João Cezar Larrosa e o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais (Contar), Gabriel Bezerra, além de diretores da federação estadual. 

“A Fetar-RS está junto com os sindicatos, trabalhando para atender os trabalhadores e entidades afetadas por esta catástrofe climática que atinge o estado. A reunião de hoje deve ser a primeira de várias para traçar ações capazes de garantir o cumprimento das Convenções Coletivas de Trabalho, a manutenção dos contratos de trabalho, combater ações antissindicais e encontrar meios de auxiliar na retomada da economia nas áreas afetadas, pois isso significa mais empregos no campo”, disse Larrosa. 

 Uma das medidas realizadas pela Contar e, apresentadas por Bezerra, é a realização de reunião com o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho para discutir – entre outros pontos – auxílios e garantias para os trabalhadores atingidos. O encontro está marcado para esta quinta-feira (16), em Brasília. 

Relatos da situação pelo RS

 

Cada um dos dirigentes sindicais apresentou um panorama dos impactos das enchentes e chuvas excessivas no setor primário de suas regiões. “Há várias lavouras e potreiros que sofreram com os deslizamentos e outros que estão bem rachados, que a gente não sabe ainda se vai estabilizar. Ou se vai cair mais, depende da chuva e a previsão é que chova mais. Então, a gente está aí fazendo uma força-tarefa e tentando resolver. São várias comunidades com problemas diferentes, mas que a gente está tentando atacar de todas as formas para conseguir resolver os problemas”, contou Ana Carolina Benetti, do STR Canela. 

Em Guaíba, na região metropolitana e uma das cidades mais atingidas pela enchente, o panorama é preocupante, conforme a assessora Dulce Oliveira. “A situação é  muito triste. 

Todos tiveram perdas, uns nas lavouras, que estão debaixo d’água, outros com água dentro de casa. As plantações das forrageiras estão inundadas, o gado sem pastagem. Uma verdadeira calamidade”, conta.

Também foram apresentadas as situações nas regiões de Bagé, Santana do Livramento, Santa Vitória do Palmar, Uruguaiana, Caxias do Sul, São Marcos, Vacaria, São Borja, Pinheiro Machado, Itaqui, Itacurubi, Barra do Ribeiro e Jaguari. 

1 comentário em “Fetar-RS promove reunião com sindicatos para discutir impactos das enchentes”

  1. Pingback: Fetar reúne-se com sindicatos da Costa Doce para analisar impactos das cheias

Comentários encerrados.

Rolar para cima